Visitação médica em apenas um clique!

Em entrevista exclusiva ao Top Team, Elilson Antonio e Cauê Rossetti, da pharmexx Brasil, comentam sobre a plataforma multicanal e apresentam novidades para a indústria farmacêutica. A pharmexx Brasil faz parte do grupo United Drugs, que atua em 26 países, com mais de seis mil representantes e faturamento global de € 1,5 bilhão."

Notícias
Agenda de Eventos
Datas Relevantes
Turbine seu tablet
Performance

Notícias



Takeda: Estudos revelam eficácia de fármaco experimental para a colite ulcerosa e doença de Crohn
A Takeda Pharmaceutical indicou que dois estudos permitiram apurar que o medicamento experimental vedolizumab foi eficaz no tratamento da colite ulcerosa, doença de Crohn e outras doenças inflamatórias do intestino. Segundo o estudo, entre os pacientes com colite ulcerosa que foram sujeitos ao tratamento intravenoso, pelo menos 40% registaram um fim temporário dos sintomas, em comparação com os que tomaram placebo durante o mesmo período. Um outro estudo concluiu que o fármaco ajudou os pacientes com a doença de Crohn a alcançar a remissão da patologia um ano depois do tratamento, em comparação ao placebo.



Johnson & Johnson conclui aquisição da Aragon Pharmaceuticals
A Johnson & Johnson anunciou que finalizou a compra da Aragon Pharmaceuticals, empresa dedicada à descoberta e desenvolvimento de tratamentos para o cancro. Segundo o “PRNewswire”, o desenvolvimento de compostos do programa da Aragon relativos ao antagonista dos recetores de androgénios, incluindo o inibidor de sinalização do receptor androgénico ARN-509, ficará a cargo da Janssen Research & Development.



GSK: Vacina quadrivalente FluLaval e antiretroviral Tivicay aprovada pela FDA
A GlaxoSmithKline (GSK) anunciou que a Food and Drug Administration (FDA) deu luz verde à FluLaval, vacina quadrivalente contra as estirpes A e B do vírus influenza em pessoas com idade igual ou superior a três anos. O Tivicay (dolutegravir) deve ser administrado em conjunto com outros medicamentos antiretrovirais para o tratamento do VIH.



Teva procura expandir-se nos mercados brasileiro e chinês
O CEO da Teva, Jeremy Levin, anunciou que o Brasil e a China são os próximos mercados em que a companhia pretende apostar. Queremos expandir-nos em mercados em que ainda não estamos presentes, declarou Levin, assinalando que a empresa ainda não está a operar em locais como o Brasil… ou em grandes mercados em expansão da China. Jeremy afirmou que não procura fazer grandes aquisições para penetrar nestes mercados, optando antes por encontrar os parceiros certos para trabalhar. Salientou ainda a importância da aliança estratégica com a Procter and Gamble na área dos medicamentos não sujeitos a receita médica.



Plataforma Multi Canal de Propaganda Médica será lançada no Brasil
Cauê Rossetti e Elilson Silva, respectivamente gerentes de Marketing e Comercial da pharmexx Brasil, participarão de reunião de trabalho em Londres junto a Ashfield Division, como preparo para o lançamento da plataforma Multi Canal de Propaganda Médica no Brasil ( e-detailing )." A pharmexx Brasil opera esse serviço há um ano, e face aos resultados positivos será oficialmente lançado no mercado farmacêutico brasileiro.



Bristol-Myers Squibb suspende desenvolvimento de tratamento antidepressivo experimental
A Albany Molecular Reaserch divulgou, num documento submetido à US Securities and Exchange, que a sua parceira de licença Bristol-Myers Squibb suspendeu o desenvolvimento do antidepressivo experimental BMS-820836. A empresa disse que a Bristol-Myers Squibb desistiu de dois ensaios de fase IIb do fármaco, depois dos resultados revelarem que a terapia falhou em demonstrar superioridade face ao Cymbalta (duloxetina, da Eli Lilly) e Lexapro (escitalopram, comercializado pela Forest Laboratories) em pacientes com depressão resistente ao tratamento.



Bayer e Compugen assinam acordo de desenvolvimento para tratamentos de imunoterapia
A Bayer e a Compugen estabeleceram uma colaboração, que poderá valer mais de 540 milhões de dólares, com vista ao desenvolvimento de terapêuticas com base em anticorpos para imunoterapia contra dois reguladores de verificação do sistema imunológico que poderão desempenhar um papel na imunossupressão. Asdreas Busch, responsável divisão global de descoberta de novos fármacos da Bayer, afirmou que «as imunoterapias baseadas em anticorpos constituem abordagens promissoras, acrescentando que «a imunoterapia é uma das áreas a que nos dedicamos na pesquisa oncológica.



Sanofi inicia ensaios finais com vacina para infeção por Clostridium difficile
A Sanofi revelou que deu início aos ensaios finais, que envolvem 15 mil indivíduos, para testar uma vacina para a infeção por Clostridium difficile. Não existem vacinas disponíveis para tratar esta bactéria e a crescente resistência aos antibióticos dificulta o tratamento desta condição. Dados dos EUA e Europa indicam que os sistemas de saúde gastam mais de 7 mil milhões de dólares anualmente a tratar as causas da infeção por Clostridium difficile.

Fontes: Firstword / Reuters / Agência Internacionais / Grupo pharmexx


Leia também...
Dicas culturais.

Imprimir Enviar esta página home
 
versão em inglês edições anteriores expediente fale conosco receba o TopTeam